(62) 3088-0456 Goiânia
(61) 3025-0490 Valparaíso
sinpol.go@gmail.com
sinpolgo@sinpolgo.org.br

  • Policiais do 2º DP de Valparaíso elucidam latrocínio de Cabo do Exército e prendem acusados


Postado por carla - Qui, 29 de setembro de 2016 às 15:18 - 4780 visualizações

Policiais Civis do 2º DP de Valparaíso, apresentaram ontem os autores do latrocínio que vitimou o Cabo do Exército Brasileiro Gilberto Camilo Santana Rodrigues, lotado no Quartel General situado no Setor Militar Urbano.

Após meses de investigação, Policiais Civis do 2º DP de Valparaíso prenderam Jefferson Inácio e Wesley Batista, acusados e já oficialmente denunciados pelo Ministério Público pela prática do crime.

Jefferson, apontado como o atirador, foi preso há três meses por agentes do 2º DP  enquanto trabalhava em um bar numa área nobre de Brasília. Os investigadores, após quatro horas seguidas de uma campana, conseguiram prender Jefferson verificando denúncias sobre paradeiro do acusado. O atirador já estava com mandado de prisão em aberto pelo latrocínio.

Wesley Batista foi preso há um mês em Rio Verde por um trabalho em conjunto das equipes de investigação desta delegacia e de equipes da Polícia Civil de Rio Verde. Nossos Policiais estiveram por duas vezes no interior Goiano em busca de Wesley, tido como quem emprestou o carro para o crime. Também foi preso em decorrência de mandado de prisão pelo latrocínio. Um terceiro participante do crime, Edson Fagner, fora vítima de homicídio antes do desfecho do Inquérito Policial.

Relembrando o caso: O latrocínio ocorreu dia 11 de Junho de 2015 quando o militar do exército foi fatalmente baleado em um assalto que ocorria em uma lanchonete em Valparaíso no bairro Jardim Oriente. Os assaltantes dispararam três vezes em Gilberto por acreditarem que o Militar do E.B iria reagir. A arma usada no crime, uma pistola Colt M1911 de calibre .45, foi apreendida pouco tempo depois do crime pela Polícia Militar do Distrito Federal (GTOP).

Os acusados  encontram-se presos na cadeia local e caberá ao Poder Judiciário, munido das provas juntadas pelos Policiais Civis, decidir os rumos do caso.

Nossos agradecimentos aos Policiais Civis de Rio Verde GO e às Polícia Civil e Militar do Distrito Federal  que auxiliaram nossas equipes de investigação na solução do caso.

Participaram das investigações os Policiais Civis Pedromar Augusto, Paulo Ribas, Marcos Paulo, Marcílio Ferreira e Thiago Muller.

2ºDP de Valparaíso – Servir e Proteger.

SINPOL LIVRE E TRANSPARENTE!

   

  • Faça um comentário

  • Continue lendo:


Nota à sociedade sobre o atentado em Itumbiara Qui, 29 de setembro de 2016 às 15:12
Polícia Civil de Uruaçu retira mais uma traficante de circulação Qui, 29 de setembro de 2016 às 08:25
Edital de chamamento para Curso de Aperfeiçoamento Qua, 28 de setembro de 2016 às 10:38
Reunião com policiais da RIDE Ter, 27 de setembro de 2016 às 17:29
Uma visão diferenciada sobre a Polícia Civil Ter, 27 de setembro de 2016 às 14:31
SINPOL - GO

Links Úteis

Goiânia - CEP: 74325-210
Rua Salermo, Qd.47, Lt.07, Casa 01 - Setor Jardim Europa - Goiânia/GO
(62) 3088-0456
Valparaíso - CEP: 72850-033
Qd.11, Casa 3, Etapa “A”, Valparaiso I - Valparaiso de Goiás/GO
(61) 3025-0490
(61) 3629-0892