(62) 3088-0456 Goiânia
(61) 3025-0490 Valparaíso
sinpol.go@gmail.com
sinpolgo@sinpolgo.org.br

  • "Um dia sem rir é um dia desperdiçado"


Postado por carla - Sex, 09 de setembro de 2016 às 14:37 - 7790 visualizações

Quase todo final de semana lá estava ela na delegacia. Uma senhora de meia idade ia registrar uma ocorrência curiosa: contava que um ser alienígena estava lhe tirando o sono. O extraterrestre jogava pedra sobre seu telhado, chamava-a de feia e outros nomes, e obrigava-a a ter um caso extraconjugal com o vizinho. A escrivã Wânia Cris ouvia com atenção e tentava acalmar a mulher, visivelmente insana. Não satisfeita, após a delegacia, a senhora seguia para a promotoria, onde repetia a história.

“A mulher era perturbada”, diz, completando que acabava tendo que ir até o local já que, sob o argumento desta ameaça alienígena, a senhora jogava pedra no telhado dos vizinhos “para acertar o ET”. O fato cômico, que animava os plantões em Cristalina, no Entorno do Distrito Federal, nem de longe lembra os milhares de livros lidos pela escrivã Wânia Cris. Fã de ficção, nunca tinha visto algo semelhante nas histórias que leu. E já leu muito. Só em sua biblioteca particular são mais de 500 livros. “Sempre estudei em escola pública e, quando saía da aula, ia direto para a biblioteca Cora Coralina, no bairro de Campinas, onde passava a tarde”.

Wânia Cristina Rodrigues de Araújo tem 40 anos, é casada, mãe de três filhos (dez, seis e dois anos) e é escrivã em Goiânia. “Amo minha profissão”, conta. Mas nem sempre foi assim. Filha de policial militar, cresceu com uma certeza: queria ser tudo, menos policial. “Vi tudo o que meu pai passou e não queria”. As coisas começaram a mudar quando, no final dos anos de 1990, a irmã a obrigou a prestar o concurso. “Fiz a inscrição no último dia, no último minuto, com a esperança de não dar certo”. Deu. E apesar da falta de ânimo e interesse, foi uma das 20 primeiras aprovadas.

Mesmo consciente de estar num ambiente pesado (“Ninguém vai a uma delegacia porque está feliz”, diz),Wânia tem um alto astral. “ ‘Um dia sem rir é um dia desperdiçado’ é o lema da minha vida”, conta. “Não podemos deixar estas histórias tristes entrarem na nossa vida e temos que estar bem para atender o outro”.  Ela conta que sempre tenta fazer com que o cidadão deixe a delegacia melhor do que quando chegou. “Tento mostrar que ali não é o fim. Que há saída”. 

   

  • Faça um comentário

  • Continue lendo:


Presidente do Sinpol participa da abertura de curso na Escola Superior da Polícia Civil Sex, 09 de setembro de 2016 às 11:30
Quadrilha de roubo a banco desarticulada em Goiânia utilizava furadeira especial em crimes Sex, 09 de setembro de 2016 às 11:15
Mulher é presa suspeita de matar ex ao brincar com arma para 'fazer graça' Ter, 06 de setembro de 2016 às 13:43
Polícia prende suspeitos de dar golpe na compra de máquinas agrícolas Ter, 06 de setembro de 2016 às 09:28
CVV promove a campanha Setembro Amarelo Seg, 05 de setembro de 2016 às 11:07
SINPOL - GO

Links Úteis

Goiânia - CEP: 74325-210
Rua Salermo, Qd.47, Lt.07, Casa 01 - Setor Jardim Europa - Goiânia/GO
(62) 3088-0456
Valparaíso - CEP: 72850-033
Qd.11, Casa 3, Etapa “A”, Valparaiso I - Valparaiso de Goiás/GO
(61) 3025-0490
(61) 3629-0892